Google Adsense Topo
POLÊMICA

Fernanda Gentil é “cancelada” pela comunidade LGBT após declaração polêmica

A apresentadora Fernanda Gentil emitiu opinião polêmica sobre racismo e homofobia, que gerou grande repercussão negativa na comunidade LGBT.

27/10/2019 21h23
Por: Willamy Figueira
Fonte: Redação
8.671
Foto: Divulgação/Globo
Foto: Divulgação/Globo

Fernanda Gentil foi oficialmente “cancelada” – termo empregado quando uma pessoa perde a relevância e o respeito na web – por muitos dos integrantes da comunidade LGBT nas redes sociais neste final de semana, após uma entrevista polêmica ao jornal Folha de São Paulo.

Na ocasião, a apresentadora do Se Joga surpreendeu a todos ao revelar que “respeita” a opinião dos que são contrários ao beijo gay em público, mesmo sendo lésbica assumida há quatro anos.

Mantendo um relacionamento com a jornalista Priscila Montandon, Gentil é mãe adotiva de Lucas, de 11 anos, e biológica de um garoto de 4 anos chamado Gabriel, fruto do casamento com Matheus Braga; ela disse que se adapta ao mundo deles, não o contrário.

Temos que ter a humildade de reconhecer que o novo sempre vem —e cada vez mais rápido. Eu escolho viver o mundo dos meus filhos, e não fazer com que eles entendam o meu para viverem nele“, afirmou.

Não é uma cor de camisa, nem uma cena de um beijo de mulher com mulher ou homem com homem que induz alguém a alguma coisa. Não é ver algo ou vestir uma camisa rosa que faz de um filho gay“, explicou.

Acho, de novo, que tem que ter a naturalidade das coisas. Eu também não vou botar meu filho [vestido] de rosa só pra mostrar que eu sou ‘modernosa’ e que eu estou nessa bandeira“, ponderou.

Não vou botar um filme gay pra ele ver e dizer: ‘Olha aqui, ó’. Ele vai vestir porque gosta. Vai amar alguém porque ama, porque tem uma essência parecida. Depois, por fora, ele vai ver qual é a dele, se é a mulher ou se é o homem“, enfatizou.

Eu torço para ter um filho gay? Não. Infelizmente não torço. Não torço porque o Brasil não é um ambiente 100% seguro [para os homossexuais]. Vou amar [os filhos] de qualquer jeito, até se ele disser que gosta de cachorro“, revelou.

A minha luta é para que eu viva num país que me dê segurança de saber que eles estão seguros com qualquer escolha deles. Qualquer coisa, tá? Não só com gay“, disse ainda, antes da declaração mais polêmica.

Respeito quem acha um crime ter o beijo gay. Agora, não vai bater em quem beija, entendeu? [Respeito] Quem infelizmente é racista. Agora, vai discriminar, bater, matar porque é de outra cor? Aí não“, disparou.

Acho uma perda de tempo você julgar alguém pela cor da pele. Isso te consome. Você poderia voltar esse ódio, essa energia, para uma coisa tão boa. Vai ajudar alguém. Vai criar uma criança, ensinar alguma coisa a alguém, sei lá“, afirmou a loira.

Por fim, Gentil desabafou sobre as críticas negativas ao seu programa na Globo: “Preciso me sentir animada e desafiada. A partir dali [da saída do esporte], tudo o que eu fizer é uma tentativa de me sentir desafiada de novo. Com esse friozinho na barriga“.

Nas redes sociais, a comunidade LGBT não gostou nada de suas palavras.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Arranha-céu
Adsense Sessão Política
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas
Banner Sessão Saúde
Adsense lateral interna posição 5