Google Adsense Topo
DENÚNCIA

Prefeitura de Imperatriz contrata escritório de advocacia de Teresina - PI sem licitação

O valor da contratação de quase R$ 3 milhões, foi denunciado pelos vereadores Ditola, Carlos Hermes e Aurélio na sessão da Câmara Municipal desta terça-feira (24).

24/09/2019 21h40Atualizado há 3 meses
Por: Willamy Figueira
Fonte: Assimp - Câmara
34.110
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 Na manhã desta terça (24) no uso da Tribuna, o vereador Aurélio (PT) levou ao conhecimento público que a prefeitura municipal fez contratação de uma empresa de advocacia de Teresina-PI através de inexigibilidade de Licitação, para fazer uma revisão sobre os valores devidos pelo município à previdência. Contrato este no valor de R$ 2.780.000,00.

O parlamentar informou que irá entrar no ministério público estadual e federal para exigir a imediata paralisação desse contrato, pois existem 30 procuradores com o maior salário do município para fazerem esse serviço e não o fazem, pois de acordo com a gestão eles não têm competência para fazer esse trabalho.

“É por isso que o asfalto, a saúde, a educação não chegam até as pessoas. Temos um prefeito que não tem compromisso com Imperatriz, faz propaganda de coisas que não existem, parece brincadeira. Todos os contratos foram dobrados. O que era um milhão foi pra dois, o que era dois foi pra cinco, o que era dez foi pra vinte... a empresa de limpeza quadriplicou o custo e os serviços diminuíram, nem varrição existe mais, é o mesmo serviço piorado. A internet era um milhão e aumentou para cinco milhões de reais” - disse.

De acordo com o vereador Ditola (Patriota) a mesma gestão que foi contra os advogados que estavam atrás dos recursos do FUNDEF, alegando que tinham os procuradores do município para fazer tal serviço, agora é contra os advogados concursados e cria uma situação que irá pagar quase três milhões de reais por um procedimento, além de no contrato dizer que 20% de cada real apurado vai ser repassado a essa empresa em cima do que for apurado.

“Se a empresa disser que diminuiu 100 milhões de despesa, já recebe automaticamente 20 milhões, através de dispensa de licitação, é um absurdo, roubo debaixo dos nossos narizes, iremos reagir a isso, o orçamento da cidade praticamente dobrou, são empresas demais chegando, gerando renda, imposto, recursos e os custos só aumentando. Contratos milaborantes, processos novos baseados em mentiras. inexigibilidade de licitação, para serviços advocatícios, recursos que deveriam ser para a procuradoria entrando em escritórios de fora, não tem lógica” -  disse Ditola.

Ditola citou também denuncia de que o atual secretário de esportes do município está fazendo um torneio inter-bairros e pra inscrever os participantes está exigindo o titulo de eleitor para fazer acordos em cima de votos para pessoas desavisadas.

“Não poderia sequer ser secretário, pois tem negócios com o município. Existem novos milionários nessa prefeitura, os secretários não apresentam balanços patrimoniais quando entram. Os antecessores da SEDEL alegaram que não podiam fazer nada por conta da falta de recursos e agora o atual secretário vai dar premiações altíssimas. Os recursos saíram de onde? de repente está aparecendo dinheiro que não existia. De onde veio essa autorização e de onde estão tirando?”

Os vereadores denunciantes disseram que irão dar respostas concretas a sociedade e que providencias cabíveis serão tomadas.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Imperatriz - MA
Atualizado às 17h19
33°
Nuvens esparsas Máxima: 34° - Mínima: 22°
37°

Sensação

9 km/h

Vento

59%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Adsense Sessão Política
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas
Banner Sessão Saúde
Adsense lateral interna posição 5