Google Adsense Topo
NATUREZA

Floresta amazônica do MA está com alerta no crescimento de desmatamento

As áreas com alerta de desmatamento na Amazônia Legal, que inclui o Maranhão e mais 8 estados, tiveram um aumento de 278% em julho aponta Instituto de Pesquisas Espaciais (Inpe).

07/08/2019 20h34
Por: Willamy Figueira
Fonte: Inpe
18.641
Desmatamento teve um aumento de quase quatro vezes em julho comparado a 2018
Desmatamento teve um aumento de quase quatro vezes em julho comparado a 2018

De acordo com Instituto de Pesquisas Espaciais (INPE) a floresta da Amazônia Maranhense, soou o alerta do aumento no desmatamento ilegal no mês de julho desse ano, comparado com o mesmo período do ano passado que persiste em um processo violento que provoca danos sociais, econômicos e ambientais visíveis. Além disso, essa região amazônica registra violações severas dos direitos humanos associadas ao desmatamento, como casos recorrentes de conflitos pela terra.

Simultaneamente, o Maranhão registra níveis recordes de queimadas e extração irregular de madeira, além de enfrentar escassez de água e luta contra os piores indicadores sociais e econômicos do país. Segundo os pesquisadores, o governo do Maranhão deve urgentemente criar mecanismos para proteger suas florestas, promover agricultura sem-fogo e estabelecer uma política de restauração florestal.

Segundo o professor Marcelo Carneiro da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), que é um dos autores de um estudo no ano de 2016/2017 que avalia o impacto ambiental do desmatamento da floresta amazônica do Maranhão foi amplamente convertida em carvão vegetal usado nas indústrias de ferro gusa da região, e as áreas desmatadas deram espaço para o desenvolvimento da agropecuária e as plantações de eucalipto.

As áreas protegidas (Unidades de Conservação e Terras Indígenas) estão sendo desmatadas ilegalmente. E além disso, mostra o estudo, cerca de mais de 771 km2 de florestas nas propriedades rurais do estado ainda estão disponíveis para o desmatamento legal, uma área equivalente à da cidade de Nova York.

Em julho de 2018, houve alerta em torno de toda floresta amazônica de 596,6 km². Já em julho de 2019, este número foi de 2.254,9 km², ou seja, quase quatro vezes mais. No mês anterior, a área com alerta de desmatamento foi de 931,6 km².

Os dados de julho de 2019 são os mais altos desde 2015, se considerados todos os meses de monitoramento disponíveis para análise. Antes, o recorde de área com alerta havia sido em agosto de 2016, com 1.025 km².

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Imperatriz - MA
Atualizado às 20h37
27°
Poucas nuvens Máxima: 36° - Mínima: 19°
27°

Sensação

14.3 km/h

Vento

43.6%

Umidade

Fonte: Climatempo
Arranha-céu
Adsense Sessão Política
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas
Banner Sessão Saúde
Adsense lateral interna posição 5